segunda-feira, 28 de junho de 2010

O Vôo da Esperança - Woyne Figner Sacchetin (psicografia) - Alberto Santos Dumont (espírito)

Editora: Lachatre
Ano: 2009
Gênero: Espírita

Pois é, este na minha opinião é polêmico!

Quem me conhece sabe que sou espírita, conheço, estudo e sei que a mediunidade é uma realidade. A maioria dos livros aqui descritos são obras mediúnicas, através das quais espíritos escrevem, usando para isso a influência sobre a sensibilidade dos médiuns. Porém, ser espírita não quer dizer acreditar em tudo. Não se pode garantir que toda a obra mediúnica seja verdadeira, cada caso deve ser avaliado individualmente.

A introdução acima é apenas para dizer que este livro tem uma proposta bastante ousada e deve ser encarada com cuidado. Devo dizer apenas que o livro é muito bom, muito emocionante e a história contada esta de acordo com a codificação kardecista. O médium é novo para mim, portanto, preciso conhecê-lo melhor. Poderia dar minha opinião, mas acho que faz parte deste livro deixar o leitor avaliar se o livro é valido ou não.

Trata-se da história de 2 homens desde a época de cristo, em uma trajetória fantástica de experiências, através de sucessivas reencarnações. Esta seria a história (fica implícito) dos pilotos do vôo da TAM que terminou tragicamente em Congonhas/2007. Uma ótima aula de como o espírito reencontra seu equilíbrio e salda seus débitos ao longo de sua trajetória, reencontrando a Paz e crescendo.

(se vai render algum processo contra o autor ainda não sei, mas RECOMENDO a leitura)

Nenhum comentário:

Postar um comentário